A jornada para a Indústria 4.0

Se você ainda não criou um roteiro da Indústria 4.0, saiba que não está sozinho.

Em pesquisa realizada pela McKinsey, empresa de consultoria de gestão com sede nos Estados Unidos, descobriu que apenas 48% dos fabricantes se consideram prontos para a Indústria 4.0.

Definida como “a próxima fase na digitalização do setor de manufatura”, impulsionada pelo aumento considerável nos volumes de dados, poder computacional e conectividade, análise e inteligência de negócios, além de novas formas de interação homem-máquina, como interfaces de toque e sistemas de realidade aumentada e conexões em evolução entre os mundos digital e físico, incluindo robótica e impressão 3D.

Iniciando seu roteiro rumo à Indústria 4.0

De fato, os fabricantes ansiosos para colher os benefícios da Indústria 4.0, incluindo maior visibilidade e controle, redução de custos e produção mais eficiente e confiável, enfrentam a difícil tarefa de implementar novas tecnologias, treinar pessoal e mudar processos e procedimentos para mover suas empresas para o próximo nível.

Então, onde e como elas podem começar a criar seu roteiro da Indústria 4.0?

1.   Pesquise o seu cenário atual de tecnologia
Onde você e sua empresa estão agora?

Faça uma pesquisa de sua tecnologia atual e ambiente de automação para estabelecer seu ponto de partida e identifique quais sistemas e tecnologias você possui atualmente e que podem desempenhar um papel em seu futuro.

2.   Defina sua visão de futuro
Parte da razão pela qual a criação de um roteiro da Indústria 4.0 é tão difícil é que esse próximo estágio do processo de fabricação muda desde sua origem.

Você provavelmente não tem uma visão clara de como será a indústria 4.0 em seu mercado, e as tecnologias relacionadas ainda estão evoluindo. Mas dê o seu melhor para imaginar como a tecnologia está mudando seu setor.

Olhe para seus concorrentes, especialmente as maiores empresas e as mais inovadoras. Pesquise os fornecedores de tecnologia e leia sobre seus sucessos, especialmente em seu mercado e setores semelhantes.

3.   Comece com o básico
Praticamente todos os fabricantes possuem soluções de gestão para operações e gerenciamento financeiro, e sistemas apropriados de engenharia e design para estabelecer a presença digital básica que é a base da Indústria 4.0.

O primeiro passo no caminho para o futuro da Indústria 4.0 é garantir que os sistemas existentes sejam robustos o suficiente para crescer no novo mundo de dispositivos inteligentes conectados, big data, entre outras inovações.

4.   Abrace a nuvem
A maioria dos novos aplicativos está sendo desenvolvida para a nuvem, a plataforma preferida para conectividade e sistemas distribuídos.

Mover seus sistemas internos, como ERP e sistemas de execução de manufatura, para a nuvem libera sua equipe de TI para um trabalho mais valioso na construção de sua infraestrutura do Indústria 4.0 e implementação de novas tecnologias.

5.   Continue a construir seu plano
Você tem um plano básico, mas a tecnologia está evoluindo rapidamente . Você sem dúvida aprenderá muito ao implementar partes da solução nos próximos anos. Reveja continuamente esse plano e ajuste-o às novas necessidades e oportunidades.

Riscos de um roteiro inicial da Indústria 4.0

Esteja ciente de que existem dois desafios principais enfrentados atualmente pelos desenvolvedores e implementadores das instalações da  Indústria 4.0: segurança e padrões.

A segurança sempre será uma preocupação primária. À medida que cada nova tecnologia evolui, os cibercriminosos atacam e os times de segurança digital devem repelir continuamente essas intrusões e adaptar seus sistemas para um controle mais rígido.

Como a Indústria 4.0 é altamente dependente do compartilhamento e transferência de informações, a falta de padrões universalmente aceitos para formatos de dados, protocolos e similares continua a oferecer desafios.

Várias organizações estão trabalhando arduamente para desenvolver os padrões necessários e pressionar por uma aceitação geral. Embora isso ainda seja um trabalho em andamento, os implementadores continuam em risco de selecionar sistemas que podem não usar os protocolos que eventualmente surgem como padrões da indústria.

Sobre a MAGNASISTEMAS

A MAGNASISTEMAS é uma empresa de serviços, IBM Platinum Business Partner, que oferece soluções inovadoras baseadas em diferentes tecnologias para apoiar seus clientes na resolução de desafios de negócios.

Acompanhe nosso blog e fique por dentro de como a MAGNASISTEMAS, em parceria com a IBM, potencializa o uso dos dados com a IA e IoT para inovar o gerenciamento de ativos, otimizar bens imobiliários e instalações, aprimorar a engenharia de software e de sistemas, além de avançar a sua transformação digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *